O que é Linkedin e porque sua empresa deve participar dessa rede

6 de dezembro de 2018 por na categoria Redes Sociais com 0 e 0

O que é Linkedin?
O Linkedin é uma rede social dedicada a negócios e contratações e com mais de 467 milhões de usuários inscritos deixou de ser apenas um site de currículos. Sua função inicial era aumentar o networking profissional de usuários. Hoje, com algumas funções a mais, ela se torna um aliado às empresas, pois com a company page, o empresário pode mostrar melhor o que a empresa faz e vende, divulgar novas vagas de contratação e postar conteúdos relevantes e com atualizações gerais da empresa.

Alguns fatos interessantes sobre o que é Linkedin foram divulgados pela assessoria de imprensa da rede. Estes fatos podem reforçar a importância dela para sua empresa:
• O LinkedIn é a maior rede profissional da internet, com mais de 467 milhões de usuários em mais de 200 países e territórios;
• Profissionais estão entrando no LinkedIn em uma taxa de mais de dois novos membros por segundo;
• O LinkedIn tem executivos de todas as empresas top 500 da Fortune como membros e os produtos corporativos da empresa são usados por 94 das top 100;
• Existem mais de 1,5 milhão de canais de comunicação usando o botão de compartilhamento em seus sites para indicarem o conteúdo no LinkedIn;
• No Brasil já são mais de 27 milhões de usuários.

Cultivando audiência com a página da sua empresa:
As companys pages são semelhantes às páginas do Facebook, mas como já comentamos em outros textos, cada rede social tem uma característica própria. Diferentemente do Facebook, as publicações do Linkedin ainda tem um alcance maior, pois a concorrência é menor. Então, usar as companys pages para divulgar conteúdos e informações da empresa é um bom meio de ganhar novos leads e seguidores.

Dentro das company pages há a possibilidade de criar uma aba especial: as Showcase Pages. Com essa ferramenta você pode segmentar por interesse e poderá representar para a sua empresa as diferentes marcas, unidades de negócios, iniciativas, ofertas ou produtos.

Se você tem uma linha extensa de produtos e muitas vezes os clientes querem informações mais específicas, nesta aba você terá um canal para falar só de atualizações e novidades de um produto para os clientes, sem incomodar pessoas interessadas apenas no seu conteúdo ou em outros produtos. Em resumo, são mini páginas dentro da página principal, e lá é possível trabalhar com um conteúdo mais direcionado, já que os usuários podem escolher quais showcases seguir.

Normalmente, quanto mais segmentada a comunicação, mais relevante ela se torna para quem a recebe. Por isso, as Showcase Pages são uma ótima forma de gerenciar melhor o relacionamento com clientes atuais e em potencial.

Como analisar resultados?
Dentro da página você poderá ver análises e mensurar visualizações, cliques e engajamento de cada publicação. Com isso, você consegue ver o que agradou sua audiência. Além disso, você também analisa demografia dos seguidores e informações relevantes, tais como, cargo, setor de atuação e porte das empresas.

Anúncio no Linkedin
No LinkedIn, existem basicamente dois tipos de soluções de anúncios: as Soluções Self-Service, indicadas para investimentos em anúncios abaixo de R$ 15 mil por mês, e as Soluções Corporativas, para investimentos em anúncios acima de R$ 15 mil por mês.

1. Sponsored Content
O Sponsored Content tem como função patrocinar conteúdos para alcançar usuários diretamente no feed de notícias.

2. Sponsored InMail
O Sponsored InMail serve para enviar mensagens direcionadas para o público-alvo do seu negócio, diretamente em sua caixa de entrada.

3. Text Ads
O Text Ads, disponível para Soluções Self-Service, é
um modelo de anúncio focado em conseguir Leads
segmentados nas diversas páginas do LinkedIn.

4. Dynamic Ads
O Dynamic Ads é um formato voltado para as Soluções Corporativas e tem foco em ampliar a quantidade de seguidores e gerar engajamento

Segmentação:
Você pode segmentar seu público de várias formas diferentes:
Dados demográficos (função, nível de experiência, nome da empresa, localidade, setor etc.);
Filtros baseados em interesses (grupos do LinkedIn a que pertencem, áreas de estudo, competências etc.);
Segmentação por persona (segmentos-chave com base nos dados do perfil e no comportamento do usuário);

Esse é um resumo para mostrar a você o que é Linkedin e como é importante ter um perfil atualizado e relevante para que você também seja visto ali.

Adicionar comentário

© 2018 ~ Desenvolvido por Toulouse Comunicação - (11) 4590.0103